Etiqueta: PC

Catherine Classic – Análise

​ Catherine foi lançado inicialmente em Julho de 2011 nas consolas Playstation 3 e Xbox 360 em território Norte Americano, tendo chegado à Europa apenas em Fevereiro de 2012. Destacou-se facilmente pelo seu conteúdo e toda a sua apresentação, com vídeos de pura animação japonesa, a qual ficou […]

Análise de WWE 2K19

Ano após ano, tal como outros lançamentos anuais, o jogo de Wrestling da 2K tenta sempre implementar novidades e melhorar certos aspetos na jogabilidade, os quais têm sempre o objetivo de elevar a qualidade do produto final. No entanto, este título da 2K nunca chegou, até hoje, a […]

Análise de My Memory of Us

My Memory of Us conta-nos uma história de amizade em tempos de guerra e baseada em factos reais. Mostra-nos as separações resultantes de guerras, mas em que, a amizade e a resiliência, são a força que dá energia para as pessoas se tentarem reencontrar novamente. Na verdade, estamos […]

Análise de Dakar 18

O Rally Dakar é um evento ao qual, muito sinceramente, nunca prestei muita atenção. Acho engraçado o tipo de prova em causa, mas não passa disso. Agora que experimentei pela primeira vez um jogo da prova, sendo este, por sinal, bastante fiel em todos os aspetos, irei certamente, […]

Análise de Graveyard Keeper

Foi totalmente às escuras que comecei a jogar Graveyard Keeper. A única coisa que sabia é que seríamos um coveiro e isso bastou para me chamar a atenção. Afinal de contas, não é todos os dias que podemos estar na pele de um, certo? No entanto, tal como […]

Análise de Polygod

Polygod é brutal, mortífero, cruel e desafiante! Porém, quando conseguem chegar ao fim, a sensação de atingido o objetivo é bastante boa. Polygod é uma shooter na primeira pessoa com elementos rogue-like, mapas gerados de forma aleatória e uma dificuldade bastante exigente, até para os jogadores mais experientes […]

Análise de Hello Neighbor

Qual a criança que, na sua infância, nunca teve medo de um certo vizinho ou certa casa? Quase todos certamente. Havia sempre alguém mais suspeito e estranho nas redondezas e que nos deixava, de certa forma, inquietos. O conceito de Hello Neighbor é bastante interessante, mas infelizmente, toda […]